Em noite tensa, Conselho afasta José Carlos Peres da presidência do Santos

161 votos foram a favor do afastamento; o vice-presidente Orlando Rollo assume o cargo interinamente

Publicado em .

161 votos foram a favor do afastamento; o vice-presidente Orlando Rollo assume o cargo interinamente

Santos, SP, 28 (AFI) - José Carlos Peres foi afastado da presidência do Santos na noite desta segunda-feira. Em reunião virtual do Conselho Deliberativo do clube, houve 161 votos a favor do afastamento, seis contra e nove abstenções - era preciso de 2/3 dos votos para aprovação. O vice Orlando Rollo, rachado com Peres desde 2018, assume o comando do Santos.

A votação do Conselho Deliberativo aprovou o parecer da Comissão de Inquérito e Sindicância (CIS), que considerava informações do Conselho Fiscal. O relatório apontava irregularidades nas contas do clube em 2019. Como Rollo não teve participação da gestão em 2019, ele não foi considerado "culpado".

Em noite tensa, Conselho afasta José Carlos Peres da presidência do Santos
Em noite tensa, Conselho afasta José Carlos Peres da presidência do Santos

O Conselho Deliberativo agora tem 60 dias para marcar uma assembleia entre os sócios para que seja votado o pedido de impeachment de Peres, que tem mandato até o fim desde ano. Ele foi eleito presidente no fim de 2017 e já enfrentou outros dois processos de impeachment, ambos em 2018 e recusados pelos sócios.

As irregularidades apontadas pelo Conselho Fiscal nas contas de 2019 são em relação a pagamento de comissões na transferência do atacante Bruno Henrique para o Flamengo, pagamentos de despesas pessoais de Peres com o cartão corporativo, entre outras. O Santos fechou 2019 com superávit de R$ 23,5 milhões, mas em razão da transferência da venda de Rodrygo para o Real Madrid.

DEFESA
Antes da reunião virtual do Conselho Deliberativo nesta segunda, Peres já havia se defendido na Comissão de Inquérito e Sindicância. Ele alega ter cancelado o cartão corporativo e devolvido a quantia gasta e nega o pagamento de comissão na venda de Bruno Henrique.

Peres vinha sendo alvo de protestos de torcedores do Santos e na noite desta segunda-feira não foi diferente. Dezenas de torcedores se reuniram em frente à Vila Belmiro para pedir a saída de Peres da presidência do clube.