Opinião Sérgio Carvalho: Mengão merecia vencer o Grêmio no Sul

Flamengo e Grêmio empataram por 1 a 1 na Arena do Grêmio, no jogo de ida da semifinal da Libertadores

por SÉRGIO CARVALHO - - - Campinas

Grêmio e Flamengo disputaram na noite desta quinta-feira o jogo de ida pelas semifinais da Copa Libertadores de América. Nos dois tempos de jogo, com raras exceções, o time carioca foi superior ao tricolor gaúcho e merecia ter deixado o campo de jogo com a vitória.

Mas não foi isso que aconteceu. Primeiro porque o VAR trabalhou muito nessa partida e anulou três gols do rubro-negro carioca. E segundo, porque Renato Gaúcho soube reanimar seu time, fez substituições precisas e deu condições para sua equipe reagir.

O primeiro tempo deste clássico do futebol brasileiro foi truncado, com pouca bola rolando e muito vigor físico. Ainda assim, o Flamengo foi melhor e até seria justo que deixasse o gramado com placar favorável. No segundo tempo, o Grêmio melhorou com as mudanças táticas que Renato fez, enquanto o Flamengo manteve seu ritmo a procura de seu primeiro gol.

Grêmio e Flamengo empataram  o primeiro jogo da semifinal da Copa Libertadores
Grêmio e Flamengo empataram o primeiro jogo da semifinal da Copa Libertadores

Ele veio aos 23 minutos em bola alçada sobre a grande área do Grêmio, que foi aproveitada de cabeça por Bruno Henrique. A partir daí, o Grêmio foi obrigado a sair mais da defesa para o ataque, mas com a ameaça de levar gols nos contra ataques. Foi quando outro gol flamenguista foi anulado pelo VAR. Na sequência, num dos poucos erros da defesa flamenguista, a bola sobrou para Pepê, aos 42 minutos, que igualou o placar.

Como disse acima, um placar injusto para o Mengão que jogou mais, fez quatro gols e só valeu um e poderia ter deixado o estádio gremista já com a vaga para as finais da Libertadores garantida.

Agora, para o jogo do dia 23 de outubro, uma quarta-feira, o Flamengo pode empatar sem gols (porque fez um fora) e garantir a vaga na final. Se o placar no Rio for 1 a 1, a decisão será nos pênaltis. Se um dos clubes vencer no tempo normal, será dele a vaga na final.

Pelo que mostraram nessa primeira partida, o Flamengo me parece mais perto da classificação. Tem mais time, está melhor preparado e o Grêmio deverá mais uma vez estar desfalcado de Geromel, seu melhor zagueiro. Numa dessas o Mengão pode até ganhar por mais de um gol e fazer a festa com sua torcida no dia 23 deste mês.

O Flamengo foi melhor que o Grêmio durante os 90 minutos e merecia a vitória
O Flamengo foi melhor que o Grêmio durante os 90 minutos e merecia a vitória

Melhores do jogo desta quinta em Porto Alegre. No Flamengo, o goleiro Diego Alves. Na zaga, Rodrigo Caio e Felipe Luis. No meio-campo, Arão e Gerson (Arrascaeta não estava inspirado). No ataque, Bruno Henrique. Gabigol mais uma vez não estava numa noite de inspiração. No Grêmio, o goleiro Paulo Vitor foi decepcionante. Fosse o Renato eu o tiraria do time. Kannemann foi o melhor dos zagueiros. Do meio para o ataque, destaque para Luan que fez uma grande partida, Everton Cebolinha e Diego Tardelli tiveram boa participação.

CURTAS
*NA TERÇA-FEIRA houve outro jogo pelas semifinais da Libertadores. O River Plate venceu o Boca Juniors, no Monumental de Nunes, em Buenos Aires. Placar final, River 2 x Boca 0. Placar extremamente justo. Agora será a vez do Boca mandar o jogo no La Bombonera. Será no dia 22 de outubro, também em Buenos Aires. Pelo que vi, acho que o River está em fase muito superior ao Boca e tem maiores possibilidades de chegar a grande final da Libertadores. River poderá perder até pela contagem mínima. O Boca precisa vencer por diferença de 3 gols.

*JOGOS adiados de Corinthians e Atlético Mineiro foram disputados na noite desta quarta-feira pelo Campeonato Brasileiro. O Corinthians repetiu a velha fórmula, jogou todo fechado, fez um gol e defendeu essa vantagem até o final do jogo. Timão 1 x 0 Chapecoense, em Chapecó, foi um jogo feio, sem emoção e com poucas chances de gol. Para a Chape foi terrível perder em casa. Continua na lanterna absoluta do campeonato. Para o Corinthians foi ótimo ganhar mais três pontos. Agora é o quarto colocado com 41 pontos ganhos em seu ativo.

O Vasco venceu o Atlético-MG de virada e se distanciou da zona de rebaixamento
O Vasco venceu o Atlético-MG de virada e se distanciou da zona de rebaixamento

*APESAR da exibição pouco eficiente, Fábio Carille e seus jogadores comemoraram muito a vitória e o quarto lugar na classificação geral do campeonato. Agora o time da fiel está em quarto lugar com o mesmo número de pontos do Santos, que é o terceiro colocado. Ou seja. Corinthians caminha firme para disputar a Copa Libertadores 2019. Carille já admite até que seu time, apesar do futebol pobre, é candidato serio ao título brasileiro da temporada. Gol corintiano foi marcado de cabeça pelo lateral-esquerdo Danilo Avelar aos 18 minutos do 2º tempo.

*O ATLÉTICO-MG também jogou na noite desta quarta-feira. Enfrentou o Vasco da Gama de Vanderley Luxemburgo e perdeu dentro do estádio Independência, em BH, por 2 a 1. Os gols foram marcados por Otero, para o Galo aos 15 minutos do segundo tempo. Aos 21, Rossi empatou e Marcos Junior, aos 49, colocou o time carioca em vantagem. Resultado justo pelo que produziram os dois times. Com essa vitória, o Vasco chegou aos 27 pontos ganhos e está em décimo terceiro lugar na classificação geral. Importante é que ficou mais longe da degola.

SÉRGIO CARVALHO - -
Sérgio Carvalho é um dos ícones do jornalismo esportivo brasileiro. Sua coluna ganhou mais de cincoenta prêmios durante o período em que foi publicada pelo Diário de São Paulo (antigo Diário Popular) durante mais de vinte anos. Hoje é um dos pontos de referência entre os colunistas do Futebol In
Veja perfil completo
Veja todos