Copa América: Cavani e Suárez evitam clima de euforia após goleada do Uruguai

"Eles ficaram com dez e também facilitou para a gente. Temos que continuar evoluindo", destacou Cavani.

por Agência Estado

Campinas, SP, 16 - A dupla de ataque do Uruguai formada por Cavani e Suárez justificou contra o Equador a fama de ser uma das principais duplas de ataque da história da seleção. Com um primeiro tempo avassalador, o time de Oscar Tabárez marcou três gols com chances de fazer até mais.

Ao final, o placar de 4 a 0 ficou barato para os equatorianos, que jogaram com um a menos desde os 25 minutos da etapa inicial do duelo disputado no Mineirão e válido pela primeira rodada do Grupo C da Copa América.

PÉS NO CHÃO

Apesar da grande atuação, Cavani e Suárez, que marcaram um gol cada, foram comedidos nas declarações após a partida. O centroavante do Paris Saint-Germain disse que a vitória na estreia foi "um passo importante.

"Sabíamos que seria um rival difícil. O mais importante era entrar concentrado e que cada um cumprisse sua obrigação. Concretizamos as chances no primeiro tempo. Eles ficaram com dez e também facilitou para a gente. Temos que continuar evoluindo", destacou Cavani.

Cavani e Suárez evitam euforia após goleada do Uruguai na Copa América
Cavani e Suárez evitam euforia após goleada do Uruguai na Copa América

"VITÓRIA COLETIVA"

Suárez tratou de dividir os méritos da goleada. "Foi uma vitória do coletivo. Mesmo o placar de 4 a 0 foi um jogo difícil. Importante é que o time todo fez uma boa partida. Estreamos com os três pontos e isso é o mais importante", destacou Suárez.

Quem também fez um bom jogo na etapa inicial foi o meia Lodeiro, que no Brasil defendeu o Botafogo e o Corinthians.

O jogador abriu o caminho da vitória com um belo gol. Ele dominou na coxa, tirou do adversário sem deixar a bola cair e mandou para as redes.

Cavani fez o segundo de voleio e Suárez, o terceiro, aproveitando escanteio. Mina (contra) fechou o placar na etapa final.

SEM SE EMPOLGAR DEMAIS

"Fizemos um bom jogo. Quando ficamos com um a mais tivemos tranquilidade para controlar a partida e conseguimos aproveitar as oportunidades. Foi uma boa partida para a estreia. Mas não temos de nos empolgar demais. Foi só o primeiro jogo. O importante é poder evoluir de um jogo para o outro e continuar pensando jogo a jogo", destacou Lodeiro.

PRÓXIMO DUELO

O Uruguai volta a campo na quarta-feira contra o Japão, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre. O Equador vai pegar o Chile na segunda rodada. As equipes se enfrentam na sexta-feira, na Fonte Nova, em Salvador.