Depois de recuperar o São Paulo na reta final do Brasileiro, Vizolli aposta em base

Sob o comando do interino, Tricolor confirmou vaga na fase de grupos da Libertadores e quase R$ 30 milhões em prêmios

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 27 (AFI) - Marcos Vizolli assumiu o comando técnico do São Paulo faltando cinco rodadas para a conclusão do Campeonato Brasileiro com a missão de manter o Tricolor no G4 e, principalmente, recuperar a autoestima dos jogadores depois de uma sequência de maus resultados e a demissão de Fernando Diniz.

Após vencer o Flamengo, campeão brasileiro, por 2 a 1 no Morumbi, confirmando a quarta colocação no Brasileirão e a vaga direta na Libertadores, o treinador interino falou em “dever cumprido”. A posição no nacional e a presença na fase de grupos da principal competição continental da América do Sul renderam mais de R$ 30 milhões aos cofres do time do Morumbi.

BOM APROVEITAMENTO
Em cinco jogos no comando do São Paulo, Vizolli obteve 53,3% de aproveitamento: duas vitórias (Grêmio e Flamengo), dois empates (Ceará e Palmeiras) e uma derrota (Botafogo).

Vizolli confirmou vaga do São Paulo na Libertadores. Foto: Rubens Chiri
Vizolli confirmou vaga do São Paulo na Libertadores. Foto: Rubens Chiri

Para Vizolli, os oito pontos somados foram fundamentais para manter a equipe no G4, o que dá ao time, além da premiação em dinheiro, mais tempo de preparação para a temporada.

“A gente sabia que seria uma luta muito grande, mas conseguimos através da força do grupo, da qualidade individual dos jogadores e também das mudanças táticas que implantei.

Conseguimos um resultado positivo contra o Flamengo e alcançamos essa vaga que é muito importante para o grupo, para o São Paulo para o próximo treinador e também para a minha vida", afirmou Vizolli.

BASE PRONTA
O treinador interino dará lugar a Hernán Crespo, mas acredita ter deixado uma base pronta para o argentino seguir o seu trabalho.

Contra o Flamengo, Vizolli montou o time retomou o esquema com três zagueiros, reforçando o sistema defensivo, mas dando mais liberdade para os alas e, principalmente, para Daniel Alves na criação das jogadas pelo meio.

Vizolli também diz estar satisfeito por ter recuperado a autoestima de jogadores como Pablo, autor do gol da vitória contra o Flamengo, e intensificado a presença das crias da base no time profissional.

Com nova comissão técnica, Vizolli segue pronto para ajudar
Com nova comissão técnica, Vizolli segue pronto para ajudar

Diante do Mengão, o Tricolor seis atletas formados no CT de Cotia entraram em campo: Diego Costa, Wellington, Luan, Gabriel Sara, Igor Gomes e Galeano.

“Já os conhecia. Essa sempre foi a nossa força. Ter jogadores jovens na base de talento e que não sentem o peso da camisa.

São jogadores adaptados ao time principal e que estão acostumados com grandes competições. Sem dúvida o trabalho que desenvolvi com eles na base me deu ainda mais tranquilidade para contar com os meninos nessa reta decisiva", explicou.

NA COMISSÃO TÉCNICA
Membro efetivo da comissão técnica, Vizolli seguirá no São Paulo de Crespo. Ele acredita que o argentino colocará o Tricolor novamente no caminho dos títulos.

“O Crespo pode contar comigo pra tudo. Estarei ao lado dele pra fazer do São Paulo um time vencedor. Tenho certeza que ele pode e vai levar a equipe a grandes conquistas”, finalizou.