Na Rádio FI, dirigente do Santo André fala em título do Paulistão: 'Por que não?'

Edgar Montemor, entretanto, afirmou que pensa primeiro na classificação e em deixar um calendário cheio para 2021, com vaga na Série D

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 13 (AFI) - O 'Balançando a Rede', programa diário da Rádio Futebol Interior, recebeu nesta segunda-feira o direto de futebol do Santo André, Edgar Montemor, que falou sobre a situação do elenco do Ramalhão, expectativa para o retorno e até a briga pelo título. Na entrevista, Edgar também revelou que a Federação Paulista de Futebol (FPF) divulgará nesta segunda a tabela detalhada do Campeonato Paulista.

Ponto alto da entrevista foi quando afirmou que pensa sim em um título para o Santo André. Apesar de manter os 'pés no chão' e reconhecer a dificuldade, disse que a conquista 'está mais próxima do que antes da estreia'.

"Estou bastante focado no meu trabalho, no término da competição. Depois da classificação, por que não pensar em um título. Está muito mais próximo do que estava antes da estreia. O objetivo principal era a permanência, conquistada lá atrás. Agora vamos buscar avançar e buscar também uma vaga na Série D de 2021, porque aí conseguimos nos planejar a médio prazo", disse.


SE LIGA!

O 'Balançando a Rede' vai pro ar de segunda e sexta-feira, com transmissão simultânea pela Rádio Futebol Interior e pelo Facebook e YouTube do Futebol Interior com som e imagem.

O programa é apresentado por Carlos Corsato e Gustavo Marques, com as participações de Claudinei Corsi, Levir Júnior e Tiago Caetano.


Edgar Montemor
Edgar Montemor

INSCRIÇÕES PARA O PAULISTÃO

O dirigente começou explicando como está o elenco para o retorno do Santo André e os tramites para reinscrever os jogadores.

"O Santo André tinha 27 inscritos e perdemos 11. O clube fez quatro contratações, principalmente para suprir a ausência dos quatro titulares - o goleiro Fernando Henrique, zagueiro Luizão, o volante Dudu Vieira e o atacante Ronaldo", afirmou.

"Seguirá com 26 inscritos, mas os times que perderam jogadores podem substituí-los. Os jogadores que tiveram os contratos encerrados, 16 no total, renovamos por 45 dias. Vamos inscrever os atletas que tenham contrato com o clube. Podemos inscrever qualquer jogador que não tenha jogado as Séries A1, A2 e A3. Pelo menos é o que ficou claro", salientou.

JOGADORES QUISERAM FICAR

Ainda sobre os contratos de 45 dias, Edgar explicou que existiu vários fatores para que os atletas quisessem ficar e terminar o Paulistão.

"Jogos importantes contra o Santos, Ituano, provável classificação, ótima vitrine que é o Paulistão, foram os argumentos que usamos para convencer os jogadores a ficarem por mais 45 dias. O Santo André tem uma camisa forte e todos entenderam que era importante terminar essa competição", explicou.

SANTO ANDRÉ COMPETITIVO

Confiante no trabalho do técnico Paulo Roberto Santos, Edgar disse que é uma boa hora para utilizar jogadores da base e ainda afirmou que o Santo André voltará competitivo.

"Com idade de base, temos um atleta no elenco. Mas temos ao menos seis jogadores formados na base. É um bom momento para eles terem uma chance. Com esses jogadores, com os reforços que chegaram e todo o trabalho pelo Paulo Roberto Santos, tenho certeza que o Santo André voltará competitivo sim. Buscaremos a classificação que está próxima e quem sabe brigar por objetivos maiores", projetou.

CONFIRA A ENTREVISTA NO FACEBOOK FUTEBOL INTERIOR:

Espaço incorporado por HTML (embed)