Repleto de histórias, estádio Jayme Cintra completa 63 anos

Casa que abriga o Paulista já testemunhou diversas conquistas do clube e até participação na Taça Libertadores

por Federação Paulista (FPF)

Jundiaí, SP, 30 - Há 63 anos, era inaugurado um dos estádios mais tradicionais do futebol paulista, além de ser ponto marcante de Jundiaí: o estádio Jayme Cintra. Das suas arquibancadas, os torcedores viram diversas conquistas e boas campanhas da equipe, desde o título da Copa do Brasil de 2005 até históricas partidas na única participação do clube do interior na Copa Libertadores, em 2006.

Inaugurado no dia 30 de maio de 1957, a primeira partida no estádio foi marcante. Enfrentando o Palmeiras em uma partida amistosa, os mandantes saíram vitoriosos por um placar de 3 a 1 – além disso, Belmiro, jogador do Paulista, foi responsável pelo primeiro gol no novo campo.

ORIGEM!
Fundado em 1909, o Paulista anteriormente tinha sua casa no coração da cidade de Jundiaí: o estádio da Vila Leme, localizado no centro. Ainda vivendo a fase do futebol amador, o clube tricolor se tornou o principal time de futebol da cidade, batendo de frente diversas vezes com as principais equipes do futebol paulista.

Jayme Cintra
Jayme Cintra
No final da década de 40, o antigo estádio ficou pequeno para o tamanho que o Paulista estava adquirindo no cenário estadual. Até que em 1952, os dirigentes da equipe resolveram construir um novo campo para abrigar o clube de Jundiaí.

Ainda nos anos 40, o nome do estádio já estava certo. O campo foi batizado em homenagem à Jayme Pinheiro de Ulhôa Cintra, um dos principais torcedores do Paulista. Ex-presidente da antiga e extinta Companhia Paulista de Estradas de Ferro (cujo funcionários fundaram o clube), o engenheiro foi peça-chave no crescimento da equipe, auxiliando na construção do estádio.

GRANDES JOGOS
Assim como o clube, consequentemente o estádio Jayme Cintra presenciou momentos históricos e marcantes na história do Paulista. Foi em suas arquibancadas que a torcida tricolor presenciou a vitória do time em cima do Fluminense por 2 a 0, abrindo caminho para a conquista da Copa do Brasil de 2005.

O estádio também abrigou um dos maiores jogos da história do clube: a vitória por 2 a 1 em cima do gigante argentino River Plate, em partida válida pela quarta rodada da fase de grupos da Copa Libertadores de 2006. Também no Jayme Cintra que a torcida testemunhou as campanhas vencedoras do Campeonato Brasileiro da Série C de 2001, além do bicampeão das Copas Paulistas de 2010 e 2011.

Ficha técnica
Paulista 3 x 1 Palmeiras

Data:30 de maio de 1957;
Local:Estádio Jayme Cintra, em Jundiaí;
Gols:Belmiro 4' , Alceu 18' , Chico 36' 1T (PFC); Nei 44' 1T (PAL).
Paulista:Sérgio, Alcides, Martinelli, Alvair, Negro, Paulinho, Moacir, Belmiro, Paulo, Chico (Roque) e Alceu

*Por Natanael Oliveira