CBF fica calada e Flamengo vai ao STJD pedir adiamento do jogo

Além da partida contra o Palmeiras, o clube carioca tenta adiar outros confrontos

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 24 (AFI) - O Flamengo cansou de esperar um posicionamento da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e foi ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) tentar adiar o jogo de domingo contra o Palmeiras.

O pedido protocolado pelo Flamengo nesta quinta-feira pede também o adiamento de outras partidas que estão marcadas no período de dez a 14 dias desde o último resultado positivo para Covid-19, que foi na última quarta.

Flamengo tenta adiar o jogo contra o Palmeiras (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)
Flamengo tenta adiar o jogo contra o Palmeiras (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)
Agora, a CBF tem 24 horas para se posicionar sobre o adiamento ou não da partida válida pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. Se a entidade entender que a bola tem que rolar, o STJD vai decidir se aceita o pedido do Flamengo.

A partida do Mengo contra o Palmeiras está marcada para domingo, às 16 horas, no Allianz Parque, em São Paulo.

MUITOS CASOS
O time rubronegro tem 27 casos positivos de Covid-19 no clube, dos quais 16 são em jogadores. Os demais envolvem o treinador Domènec Torrent, dirigentes e outros membros da comissão técnica.

Além disso, três jogadores estão no departamento médico e são dúvidas. Tanto que oito jogadores do time Sub-20 que estavam em Porto Alegre foram chamados para integrar o elenco profissional.

Por causa disso, o Flamengo solicitou à CBF o adiamento da partida. Já o Palmeiras, por sua vez, é contra essa proposta e quer manter a realização do jogo para o próximo domingo.