Série B: Jogadores avisam presidente que não treinam e não jogam sem receber

Exigência é quitação dos débitos: salário de julho, além de direitos de imagens de maio, junho e julho

por Agência Futebol Interior

Florianópolis, SC, 18 (AFI) - A incompetência, falta de total planejamento e de consideração para com profissionais estão levando o Figueirense aos caos. Num total de 31 jogadores fecharam um acordo para não retornar aos treinos, nem participar de jogos enquanto não tiverem seus vencimentos liquidados.

O time não deve entrar em campo - dar WO - contra o Cuiabá, terça-feira, na Arena Pantanal pela 17.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Cartola do Figueirense: cadê o dinheiro ?
Cartola do Figueirense: cadê o dinheiro ?
NOTIFICAÇÃO EXTRA-JUDICIAL

Uma notificação extra-judicial foi encaminhada ao presidente do clube , Cláudio Honigman, deixando bem clara a intenção dos jogadores. O documento está dato de 16 de agosto, na sexta-feira. (VEJA IMAGEM ABAIXO)

Eles estão sem receber o salário de julho (que deveria ser pago no quinto dia útil de agosto), além de direitos de imagens de três meses: maio, junho e julho.

Sem contar ainda que por muitos meses o clube não recolhe o Fundo de Garantia (FGTS) dos jogadores, um direito de todo trabalhador brasileiro. A decisão do elenco está amparada pela Lei Pelé.