Ícone do funk lamenta crise administrativa no Cruzeiro: “Só fazem lambança”

Nesta quinta-feira, às 20 horas, o Cruzeiro tem um dos jogos mais importantes da temporada

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 11 (AFI) – A crise administrativa no Cruzeiro tem chamado a atenção de todos os amantes do futebol, inclusive aqueles que não torcem para o time mineiro. Carioca de São Gonçalo e torcedor declarado do Flamengo, Buchecha usou as redes sociais na última quarta-feira para lamentar a atual situação da Raposa Celeste, que vem sendo investigada pela Polícia Civil em denúncias de irregularidades em negociações.

“Um time gigante como o Cruzeiro passando por essa situação constrangedora por causa de más administrações de uns caras que só fazem lambança, certamente os clubes brasileiros estão como estão por causa dessa gente irresponsável, tem outros clubes nessa mesma condição”, escreveu o cantor em sua conta no Twitter.

Espaço incorporado por HTML (embed)

“Os grandes podem se reerguer, já os menores sofrem pra pagar as dívidas e voltar a ser competitivo dentro de campo, aos torcedores meus sentimentos”, acrescentou Buchecha. O cantor ficou conhecido no Brasil inteiro na década de 90 com a dupla Claudinho e Buchecha, ainda nos primórdios do funk. Seu parceiro faleceu em julho de 2002.

Nesta quinta-feira, às 20 horas, o Cruzeiro tem um dos jogos mais importantes da temporada. No Mineirão, o time de Mano Menezes recebe o rival Atlético-MG no primeiro jogo das quartas de final da Copa do Brasil.