Roberto Cavalo mostra confiança antes de decisão: "certeza que o Criciúma não cai"

Na vice-lanterna, Tigre pegarpa o lanterna São Bento que tem dois pontos a menos do que os catarienses

por Agência Futebol Interior

Criciúma, SC, 01 (AFI) - O Criciúma não vence há seis jogos na Série B do Campeonato Brasileiro - quatro empates e duas derrotas - e amarga a vice-lanterna com apenas 30 pontos. Ainda assim, o técnico Roberto Cavalo mantém a esperança e mostra confiança antes da decisão contra o último colocado São Bento neste sábado, às 19 horas, no estádio Heriberto Hulse pela 32ª rodada.

"Eu tenho convicção, a certeza de que o Criciúma não cai", disse o treinador em entrevista coletiva.

O Criciúma soma dois pontos a mais do que os paulistas e tem cinco a menos do que o primeiro adversário fora da zona de rebaixamento. Para se dar bem no confronto direto, ele aposta na força da torcida.

"A torcida está de parabéns. Em momento algum tem vaiado. Pelo contrário. Apoiando muito até mesmo porque, todos querem o Criciúma na Série B e, no próximo ano, mais fortalecido".

Cavalo acredita na permanência do Criciúma. (Foto: Caio Marcelo / Criciúma)
Cavalo acredita na permanência do Criciúma. (Foto: Caio Marcelo / Criciúma)
DE ÚLTIMA HORA!

O problema é que Cavalo ganhou desfalque de última hora. O atacante Julimar, que substituiria o suspenso Léo Gamalho, sentiu lesão e foi vetado pelo departamento médico. Vinícius, Reis e o garoto Luquinha disputam a vaga ao lado de Andrew, que volta de suspensão. Na zaga, Sandro volta de suspensão e forma dupla ao lado do improvisado volante Liel.

"Nos preocupa (lesões) pelo momento no campeonato e a decisão que é. Não está definido o time ainda. A zaga, sim. Mas nosso poder ofensivo ainda há dúvidas. Nossa decisão, não tem como ser diferente, no jogo de amanhã contra o Soa Bento, é vencer ou vencer", finalizou Cavalo.

O Tigre deverá ir a campo com Luiz; Carlos Eduardo, Liel, Sandro e Marlon; Eduardo, Wesley, Foguinho e Daniel Costa; Andrew e Reis (Vinícius ou Luquinha).