Melhor defesa da Série B, líder terá que mexer na zaga contra Operário

Chapecoense chegou ao 11º jogo sem derrota, sendo seis triunfos e cinco empates

por Agência Futebol Interior

Chapecó, SC, 22 (AFI) - A Chapecoense não só lidera a Série B do Campeonato Brasileiro como tem a melhor defesa da edição 2020. Em 17 jogos são apenas cinco gols tomados. O técnico Umberto Louzer, porém, terá que mexer na zaga para o duelo contra o Operário nesta sexta-feira, às 21h30, na Arena Condá, em Chapecó, pela 18ª rodada.

O zagueiro Joílson recebeu o terceiro cartão amarelo na goleada sobre a Ponte Preta por 5 a 0 e ficará de fora. Luiz Otávio terá a seu lado Derlan que era titular até a chegada de do companheiro de sistema defensivo. Agora, os dois jogarão juntos.

Na lateral direita, Ezequiel segue dono do pedaço. O mesmo acontece na esquerda com Busanello, destaque na rodada passada. Ele, porém, foi poupado ao longo da partida ao sentir um desconforto muscular. Dessa forma, Alan Ruschel seguirá no meio-campo.

Derlan poderá ser titular. (Foto: Márcio Cunha/ACF)
Derlan poderá ser titular. (Foto: Márcio Cunha/ACF)
EVOLUÇÃO!

"Temos muito para evoluir, crescer na competição. Temos que nos estudar ainda mais, porque os adversários nos estudam também. Quando está no G4 vira alvo de outras equipes", disse Umberto Louzer.

A Chapecoense chegou ao 11º jogo sem derrota, sendo seis triunfos e cinco empates. Com 33 pontos, a líder vai a campo com João Ricardo; Ezequiel, Luiz Otávio, Derlan e Busanello; Willian Oliveira, Anderson Leite e Alan Ruschel; Felipe Garcia, Paulinho Moccelin e Anselmo Ramon.