Seleção da Série B tem supremacia do Bragantino e artilheiro do campeonato

Apenas dois jogadores que não conquistaram o acesso estão entre os melhores

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 09 (AFI) - O Campeonato Brasileiro da Série B terminou na semana retrasada e o Portal Futebol Interior traz para você, internauta, a Seleção Final. A escalação foi definida através das seleções das rodadas e também com opiniões de jornalistas que acompanharam de perto a competição.

Campeão com folga, o Bragantino emplacou três jogadores na Seleção, além do técnico Antônio Carlos Zago. Destaque para Claudinho, principal jogador do campeonato. O artilheiro Guilherme também está presente. Apenas dois jogadores que não conquistaram o acesso foram escolhidos: o goleiro Carlos Eduardo e o zagueiro Ricardo Silva.

A Seleção final da Série B tem: Carlos Eduardo (Brasil de Pelotas); Aderlan (Bragantino), Ricardo Silva (América-MG), Sabino (Coritiba) e Sander (Sport); Uillian Correia (Bragantino), Charles (Sport), Juan Alano (Coritiba) e Claudinho (Bragantino); Mike (Atlético-GO) e Guilherme (Sport). Técnico: Antônio Carlos Zago (Bragantino).

Antônio Carlos Zago levou o Bragantino ao título da Série B do Brasileiro
Antônio Carlos Zago levou o Bragantino ao título da Série B do Brasileiro
CONFIRA A SELEÇÃO DA SÉRIE B DO BRASILEIRO

Goleiro: Carlos Eduardo (Brasil de Pelotas)

O Brasil conseguiu escapar do rebaixamento graças a Carlos Eduardo, que foi o goleiro com mais defesas difíceis no campeonato. Aos 27 anos, o jogador já se acertou com o Sport para 2020.

Carlos Eduardo se destacou no Brasil e foi contratado pelo Sport
Carlos Eduardo se destacou no Brasil e foi contratado pelo Sport
Lateral-direito: Aderlan (Bragantino)

O Bragantino sentiu nos jogos que Aderlan não esteve em campo. Isso mostra sua importância para o melhor time da Série B. O lateral de 29 anos chegou graças a parceria com o Red Bull Brasil e tem passagens por América-MG e Luverdense, entre outros.

Zagueiro: Ricardo Silva (América-MG)
O defensor de 27 anos chegou por empréstimo do Ituano e mudou a cara da zaga do América-MG. Além disso, fez a diferença lá na frente. Foram cinco gols em 29 jogos. Quase conquistou o acesso para a elite.

Zagueiro: Sabino (Coritiba)
Revelado no Santos, o zagueiro de 23 anos só ficou de fora de oito jogos do Coritiba na campanha do acesso à elite do Brasileirão e foi considerado pela própria torcida um dos principais jogadores do time. Em 30 partidas, marcou quatro gols.

Lateral-esquerdo: Sander (Sport)
No Sport desde 2017, o lateral de 29 anos foi um dos líderes do elenco e caiu nas graças da torcida por conta da sua vontade demonstrada dentro de campo. Uma contusão o tirou de combate durante um período, mas Sander deu a volta por cima e terminou em alta.

Volante: Charles (Sport)
Emprestado pelo Internacional, Charles entrou no time titular e não saiu mais. Foram 34 jogos e dois gols marcados. O volante de 23 anos ainda não sabe onde vai atuar em 2020, mas o Sport tem intenção de mantê-lo.

Claudinho foi o melhor jogador do Brasileiro da Série B
Claudinho foi o melhor jogador do Brasileiro da Série B
Volante: Uillian Correia (Bragantino)

Um dos líderes do grupo que conquistou o título da Série B do Brasileiro. Aos 30 anos e vindo da parceria com o Red Bull Brasil, Uillian Correia comandou o meio-campo do Bragantino. Foram 34 partidas e um gol.

Meia: Juan Alano (Coritiba)
Assim como Charles no Sport, Juan Alano foi emprestado pelo Internacional ao Coritiba para ganhar experiência e terminou como um dos destaques da Série B. O meia de 23 anos marcou cinco gols em 33 jogos.

Meia: Claudinho (Bragantino)
Sem dúvidas nenhuma foi o principal jogador do Brasileiro da Série B. Revelado pelo Corinthians e com passagem apagada pela Ponte Preta, Claudinho deu um show de habilidade dentro de campo, fazendo vítimas com lances de efeito, além de ter marcado nove gols e contribuído com 11 assistências. Não é a toa que clubes do Brasileirão tentaram sua contratação.

Guilherme terminou como artilheiro da Série B com 17 gols
Guilherme terminou como artilheiro da Série B com 17 gols
Atacante: Guilherme (Sport)

Fora dos planos do Grêmio, Guilherme foi emprestado ao Sport e fez uma parceria de sucesso com Hernane Brocador. O atacante de 24 anos terminou como o principal goleador da Série B. Foram 17 gols e muitos deles que deram os três pontos ao clube. Seu futuro para a próxima temporada 2020 está indefinido.

Atacante: Mike (Atlético-GO)

O atacante de 26 anos foi um dos grandes responsáveis pelo suado acesso conquistado pelo Atlético-GO. Marcou 12 gols na Série B e era nítida a falta que o clube goiano sentia quando Mike não esteve em campo.

Técnico: Antônio Carlos Zago (Bragantino)
Não tinha como ser outro. Antônio Carlos Zago realizou um grande trabalho frente ao Bragantino e foi coroado com o título da Série B do Brasileiro. O Massa Bruta apresentou um futebol ofensivo, se diferenciando de muitos clubes que disputam a divisão. Para não correr o risco de perdê-lo, a diretoria já renovou seu contrato para a próxima temporada.