Dirigente do Botafogo-SP promete acionar a Justiça após acusações

Adalberto Baptista é o presidente do Conselho Administrativo da Botafogo S/A

por Agência Futebol Interior

Ribeirão Preto, SP, 02 (AFI) - Os bastidores do Botafogo de Ribeirão Preto pegaram ainda mais fogo com a entrevista do presidente do Conselho Administrativo da Botafogo S/A, Adalberto Baptista, à Rede Fé.

A gota d´água foi a tentativa de alguns membros do Conselho Deliberativo do clube de paralisar as atividades da Botafogo S/A ou nomear um interventor enquanto a Justiça analisa o pedido de interrupção da parceria entre Botafogo e Trexx Sports, que pertence a Adalberto Baptista.

Adalberto Baptista prometeu tomar medidas contra as acusações
Adalberto Baptista prometeu tomar medidas contra as acusações
A ação judicial, porém, foi negada pela juíza da 6ª Vara Cível de Ribeirão Preto, Mayra Callegari Gomes de Almeida, na última segunda-feira.

Na entrevista para a Rede Fé, Adalberto Batista citou os nomes de Vinícius Fonseca (advogado do clube), Daniel Pitta Marques (membro do Conselho de Ética do Botafogo FC) e do advogado Clito Fornaciari Júnior, entre outros.

"Eu estava muito passivo, quieto, mas depois de tudo que ouvi nas últimas semanas, tantas inverdades, tantas mentiras, eu pessoalmente vou tomar medidas contra essas pessoas. Não vou mais ficar na defensiva. É ruim, porque vai haver uma exposição da marca Botafogo, mas não vou poupar esforços para defender a verdade", prometeu Adalberto Baptista.

CONFIRA TODA A ENTREVISTA ABAIXO!