Botafogo conhece seis derrotas seguidas pela 2x e jogadores se recusam a falar

Na noite deste domingo (24), o time alvinegro foi derrotado pelo Fluminense, pelo placar de 2 a 0, no Estádio São Januário

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 24 (AFI) - Mostrando pouco poder de reação contra o rebaixamento, o Botafogo conheceu a sua sexta derrota seguida e segue em apuros na lanterna do Brasileirão. Na noite deste domingo (24), em um clássico carioca, o time alvinegro foi derrotado pelo Fluminense, pelo placar de 2 a 0, em jogo válido pela 32ª rodada, disputado no Estádio de São Januário.

BARROCA AGORA FALA EM FALTA DE CRIATIVIDADE

SEM ENTREVISTA
Ao final da partida, nenhum jogador quis dar entrevista. Está é a segunda vez que a equipe é derrotada por seis jogos seguidos. Isso já havia acontecido entre a 32ª e a 37ª rodadas. Ainda no intervalo, o goleiro Diego Cavalieri, uma das novidades na escalação do Botafogo, previa um segundo tempo muito equilibrado.

"É clássico e o jogo ficou muito amarrado. Nosso time está atento na marcação e precisamos aproveitar alguma chance lá na frente”, disse o jogador no meio da partida.

Ao final, se tivesse dado entrevista, com certeza, por sua experiência, reconheceria a sua falha no primeiro gol do Fluminense, marcado por Lucca aos 21 minutos. O chute saiu fraco, mas ao tentar agachar, o goleiro viu a bola tocar em seu joelho direito e balançar as redes.

Botafogo conhece seis derrotas seguidas pela segunda vez no Brasileirão, se complica ainda mais e jogadores se recusam a falar
Botafogo conhece seis derrotas seguidas pela segunda vez no Brasileirão, se complica ainda mais e jogadores se recusam a falar
SITUAÇÃO COMPLICADA E PRÓXIMO JOGO

Devido a mais um mal resultado, o Botafogo continua na 20ª e última posição com apenas 23 pontos somados. E agora, vê a distância para o Fortaleza, que é o primeiro time fora da zona de rebaixamento, chegar aos 12 pontos, já que o time cearense tem 35. Ao todo, ainda faltam 18 pontos em aberto.

Em 32 rodadas são apenas quatro vitórias, 11 empates e 17 derrotas. Porém agora, a equipe terá bastante tempo para corrigir os erros, já que só volta a campo no dia 02 de fevereiro, quando visita o Palmeiras, no Estádio Allianz Parque na 33ª rodada. A partida iria acontecer no final de semana, mas foi remarcado já que o adversário vai disputar a final da Libertadores contra o Santos.