Diretor da base do Atlético-MG ganha destaque com um ano de trabalho

Júnior Chávare foi contrato em maio de 2019 e acumula números expressivos

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 25 (AFI) - O mês de maio foi especial para Júnior Chávare, que completou um ano como diretor executivo da base do Atlético-MG. E o trabalho realizado é digno de aplausos.

No ano passado, por exemplo, o Galo manteve a hegemonia no estado nas categorias Sub-14, Sub-15 e Sub-20, além de ter 12 atletas convocados para a base da Seleção Brasileira. Já o Sub-17 bateu na trave ao ser vice-campeão estadual de forma invicta.

Já na Copa São Paulo de Futebol Júnior deste ano, com olheiros em todas as cidades do interior paulista, 17 jogadores acabaram sendo selecionados e seis deles continuam na Cidade do Galo.

Júnior Chávare completou 1 ano nas categorias de base do Atlético-MG
Júnior Chávare completou 1 ano nas categorias de base do Atlético-MG
AGILIDADE

Júnior Chávare destacou também o trabalho feito no início da quarentena por conta da pandemia do novo coronavírus. Foram quase 100 jogadores encaminhados para suas residências e que estão sendo monitorados pela comissão técnica.

"São garotos de 12 estados diferentes e em 72 horas conseguimos agilizar tudo. Acredito que foi um case de sucesso. Optamos pela decisão de que seria melhor eles ficarem ao lado dos familiares.

Nada disso teria acontecido acontecido se não fosse a presença e a decisão contundente do nosso presidente Sérgio Sette Câmara e do Alexandre Mattos, que havia acabado de chegar e deu todo o respaldo possível", contou o dirigente.