Milton Mendes tem inquérito policial arquivado

A decisão aconteceu na 4ª Vara Criminal do Fórum de Sorocaba

por Agência Futebol Interior

Sorocaba, SP, 19 (AFI) - O técnico Milton Mendes, ex-comandante do São Bento, foi inocentado e teve o inquérito policial envolvendo seu nome arquivado nesta terça-feira (18), em audiência realizada na 4ª Vara Criminal do Fórum Israel Gomes de Paula, em Sorocaba.

Acompanhado de seu advogado Artur Eugênio Mathias e do também advogado, e presidente do São Bento, Márcio Rogério Dias, o treinador esteve na cidade para realizar uma audiência para finalizar o processo e confirmar sua inocência perante a justiça.

Está foi a terceira vez que o ex-treinador Beneditino esteve na cidade para se encontrar com representantes da justiça. Em todas as ocasiões, por livre e espontânea vontade, o profissional antecipou situações com intuito de resolver o caso.
“Desde o primeiro momento que tomei ciência dessa acusação leviana, tomei a iniciativa de prontamente me colocar à disposição das autoridades policiais e do poder judiciário para demonstrar a verdade dos fatos”, explicou Mendes.

“Seria muito mais cômodo ficar esperando por cartas precatórias e intimações e ver esse processo se arrastar, mas isso não iria fazer bem para mim. Por isso fiz questão de, mesmo morando distante de Sorocaba, me dirigir até aqui para antecipar os ritos processuais e ver essa situação definitivamente resolvida”, completou.

INOCENTE
Após exaustivas investigações, o suposto caso que envolvia o treinador foi completamente descartado pelo juiz, sob falta de provas ou indícios de qualquer fato do teor que havia sido acusado.

Em vídeo divulgado em suas redes sociais, Milton Mendes afirmou estar aliviado com o arquivamento do caso e pronto para retomar a carreira.

“Me sinto aliviado com o encerramento dessa acusação extremamente grave e mentirosa que foi aplicada contra mim. Isso estava afetando minha vida pessoal e profissional”, afirmou o treinador.

Márcio Rogério Dias, presidente do São Bento e um dos advogados de Milton Mendes no caso, também expressou sua felicidade quanto a decisão.

“Nunca tive dúvida sobre a inocência do Milton neste caso. Ele é um profissional sério, íntegro e verdadeiro, não existia a menor possibilidade de a decisão ter sido outra”, afirmou.

Focado em retomar a carreira, Milton Mendes agora só pensar em voltar logo ao trabalho e exercer o que mais gosta de fazer.

“Agora me sinto muito confortável para retomar o meu trabalho e sei que com essa situação resolvida será apenas questão de tempo, isso me anima e me empolga ainda mais”, finalizou.