Na briga por título, técnico gaúcho entra no radar do Remo

Rafael Jaques está em meio à disputa das semifinais da Copa Seu Verardi com o São José

por Agência Futebol Interior

Porto Alegre, RS, 08 (AFI) - Depois de levar o São José às quartas de final da Série C logo no ano seguinte ao acesso na Série D, o técnico Rafael Jaques, de 44 anos, vem sendo lembrado e observado por alguns clubes do Brasil. Um dos maiores interessados no momento é o Remo, clube no qual o nome do gaúcho ganhou força nos últimos dias.

Em contato com a reportagem do Portal Futebol Interior, a assessoria de imprensa do treinador confirmou que ele recebeu sondagens, mas que não abrirá nenhuma negociação antes de encerrar a participação na Copa Seu Verardi.

O torneio organizado pela Federação Gaúcha dá ao campeão o direito de entrar na Copa do Brasil ou na Série D do Brasileiro. Como os semifinalistas Internacional e Caxias já têm vagas garantidas, as vagas serão dadas a Pelotas e São José.

O Pelotas já informou que escolherá a Série D enquanto o Zequinha estará na Copa do Brasil, uma vez que está presente na Série C. O São José de Jaques está na disputa das semifinais, com um pé na final, uma vez que goleou o Internacional por 5 a 1 na rodada de ida.

Foto: Eduardo Torres / EC São José
Foto: Eduardo Torres / EC São José

SÓLIDO
Rafael Jaques está no comando do time gaúcho desde 2017 e vem chamando a atenção tanto pela ascensão que construiu junto ao clube como pelo modo ofensivo de jogo.

O comandante tirou o Zeca da Série D no ano passado e chegou às quartas de final da Série C durante a atual temporada, mas perdeu o acesso para o Sampaio Corrêa.

Em dois encontros com o Remo durante a disputa da terceira divisão, o São José venceu o primeiro, por 1 a 0, em Porto Alegre, e perdeu o segundo, por 2 a 0, em Belém.